Clube de Duas

Diário da noiva : Opiniões alheias

17/09/15

4fcf4e9ad1efcaecd55231e912a8a906

Cada um tem suas prioridades quando falamos de casamento. Alguns são contra gastar dinheiro com festa, porém fazem questão de uma lua de mel épica. Outros não ligam tanto para a festa no geral, mas fazem questão de um vestido grifado no valor de um carro novo de classe média e por aí vai.

Uma das coisas mais chatas pra noiva é ela dizer o quanto gosta de algo ou que optou por algo diferente do tradicional (ou até aquelas que curtem o tradicional) e as pessoas opinarem contra. Opiniões são muito bem vindas, não me entenda mal – aliás, as adoramos, principalmente quando vem de pessoas que realmente importam – porém é um saco ouvir alguém opinar enfaticamente contra sua vontade, te faz duvidar e até mesmo sentir vergonha de falar o seu verdadeiro desejo.

Depois que me tornei noiva parece que todas as conhecidas estão noivas também, e foi uma delícia me juntar a elas para conversar sobre casamento. E vejo que até entre as próprias noivas rola um deboche do tipo “se eu fosse você não gastaria tanto dinheiro com iluminação, pegaria o dinheiro para pagar o melhor doceiro do Brasil”. “Ok, se você gosta de doces, não faço questão, e acho mágico uma iluminação perfeita”. As pessoas não conseguem entender que as vezes a sua prioridade pode não ser a do outro, ou pode até soar patética para o outro. Assim como ouso dizer, cada um tem um sonho.

Fui criticada por muitas escolhas. O local da festa, sonho com ele desde alguns anos quando descobrir que era o lugar mais lindo e com a vista mais linda de todas. A cerimônia, decidi fazer a cerimônia no local por que afinal eu tinha a vista e o lugar dos meus sonhos a minha disposição. Faço muita questão dos serviços impecáveis de bartender, afinal sou conhecida e sempre lembrada por adorar “bons drinks”. Sou duramente criticada pela decoração que foge do óbvio e será algo que vou ter que me dobrar para fazer.

Em contrapartida eu, que tenho blog, adoro moda e amo me vestir bem, não tenho coragem de gastar rios de dinheiro em um estilista para fazer um vestido exclusivo para mim que no final , quando eu for experimentar, pode não ser nada do que eu sonhei, ou ser até um estorvo.

Diferente de toda uma geração de garotas da minha classe social e até mais baixa, que tem esse sonho, o que aliás parece moda casar com um vestido caríssimo. Para mim parece absurdo por que sou uma pessoa totalmente desapegada, não usaria mais e esqueceria num armário ou em alguma caixa, mas conheço pessoas que fariam questão de guardar com carinho, usariam a renda do seu vestido para fazer outras coisas e que possivelmente tem o sonho de casar sua filha da mesma forma. Por isso repito, para mim parece absurdo, mas para o outro não é.

Sobre casar fora da igreja, a crítica é grande e sabia que passaria por isso. Os mais religiosos esbravejaram que eu iria me arrepender, que precisaria pensar melhor. E isso magoa um pouco, por muitas vezes me deixa na dúvida, se não fossem outras pessoas que amo me apoiarem e lembrar de todo o sonho que seria o casamento no local da festa, talvez já tivesse desistido.

29f9d6fbffc5c3818095230cb788118d

Por isso muitas vezes a gente precisa se calar, não dar maiores detalhes, principalmente para quem você já sabe que terá opiniões muito radicais a respeito. É duro não contar com o apoio muitas vezes, é pior ainda não sentir a mesma felicidade e empolgação do outro, mas como dizem “nem Deus conseguiu agradar a todos”. Quem somos nós para tentar agradar a todos e a nós mesmos ao mesmo tempo?! Prefiro ser uma noiva que irá fazer tudo o que estiver ao alcance para ter o casamento dos seus sonhos, e se não der: paciência! Mas não vou me arrepender de me levar contra o que eu quero.

E um conselho para todo mundo, se uma noiva vier te contar de alguma decisão, sorria e concorde, só opine contra se você for bem próxima a ela ou se ela pedir a sua opinião.

Um grande beijo.

Deixe um comentário
  • Avatar Lilian disse:

    Isso acontece em tudo!! E na maternidade piora ainda mais!! Quando vc tiver filho vai virar uma leoa!!

    • Laís M. Laís M. disse:

      Isso é verdade Lilian, eu vejo pela Thi. Tem um milhão contra e outro milhão a favor por exemplo do parto cesária. E todos defendem veementemente sua opinião. Olha, é dificil viu! haha.
      Beijos

  • Avatar Lorrayne disse:

    Lay, se casar na igreja for um fator importante, marque um casamento apenas pros pais e irmaos. Receba a benção e pronto!! Vou fazer assim no meu casamento, pois quero me casar na praia!! Bjos

    • Laís M. Laís M. disse:

      Imaginei que meus pais se oporiam, ou minha avó. Mas não. Eles que são os mais importantes. A verdade é que vou casar numa capelinha antes dentro da marinha, pois será um capelão que vai fazer minha cerimonia. Mas você fez bem. Obrigada pela dica. 🙂
      Beijos.

  • Avatar Thais Coelho disse:

    Ei Lay, tanto tempo que não comento por aqui, rs.. Mas estou acompanhando, rs!! Senti que o post foi tipo um desabafo, mas olha, quem sabe da importância dos seus sonhos, tenho certeza que está ao seu lado apoiando, independente de ser a sua escolha a mais longe do tradicional.. imagina eu, que sou filha única, e fujo total de casamento e festas afins? minha família pira, rs… mas ah, foi o que disse, cada um tem sua prioridade, e a minha não envolve casamento! tenho certeza que o casamento será um dos dias mais marcantes da sua vida, não deixe comentários contrários te desanimarem! compartilhe seus desejos e sonhos com quem quer compartilhar a sua felicidade de ver tudo realizado! bjos pra vc e thieli! saudades!

  • Avatar Manu disse:

    Lay,

    Eu sentia vergonha de falar sobre meu casamento! As pessoas criticavam muito!

    Depois da mega festa, só tive elogios!!!!

    Vai com tudo!!!! Vai ser lindo e SEU!!!!

    Não vejo a hora de te ver de noivinha tão linda!!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Já segue o nosso canal?

Clube de Duas | Desenvolvido e gerenciado por gCampaner