Clube de Duas - Disney - EUA - Orlando - Passeio com Crianças - Viagens

Orlando : Roteiro de 10 dias e dicas

03/09/14

IMG_8337

Gente, como os outros posts de viagem que fiz, escrevi em formato de roteiro, como a aceitação tem sido muito boa, vou fazer o de Orlando também como roteiro, voltado principalmente para quem nunca foi na cidade – Orlando: Roteiro de 10 dias e dicas.

Passei minha infância e adolescência inteira desejando conhecer a Disney World. Com 14 anos conheci a Disneyland California com meus pais, mas a de Orlando mesmo, nada. Com 21 anos fiz meu intercâmbio na Flórida, foram 5 meses em Naples, há 3 horas de Orlando, que me renderam ótimos fins de semana na cidade que tanto desejei conhecer. Após o intercâmbio voltei a Orlando várias outras vezes, com a família, com Caco, grávida do Theo, com o Theo, grávida do Max, com o Max e pretendo continuar voltando, sempre que tiver uma boa oportunidade para aproveitar a cidade. Não sei tudo sobre Orlando, mas já tenho "alguma experiência" na cidade e algumas dicas que posso compartilhar.

Como programar sua viagem e quantidade de dias: Orlando é uma cidade com várias atrações pagas e não pagas. A maioria é paga e geralmente você precisa de um dia inteiro para conhecer. Os parque da Disney mais conhecidos são 4 (existem alguns parques aquáticos também) e para cada um deles é bom reservar um dia inteiro. Lógico que você pode fazer dois parques em um dia, se começar o dia cedo no parque e terminar tarde da noite, mas para conhecer bem, vale um dia em cada lugar (a não ser os parques da Universal que são colados um ao outro e dá pra fazer tranquilo os dois em um dia).

Orlando, apesar de ser na Flórida, costuma ser bem geladinha de novembro a fevereiro, geralmente mais fria que Miami. Já na época de verão ferve como em Miami, chegando aos 40 graus facim, facim (isso somado a grupos de excursões de adolescentes, rsrs). Eu gosto sempre de ir no período entre as férias (enquanto a escola das crianças permitir), apesar de ter pegado os parques super vazios em janeiro e fevereiro (e super gelados também), gosto de ir de março a maio e também em setembro e outubro.

Orlando é conhecida como uma cidade de férias, tanto para nós brasileiros, como para americanos e cidadãos do resto do mundo, por isso as pessoas vão em família para passar temporadas de pelo menos uma semana. É possível fazer uma visitinha rápida de 4 dias, mesmo sendo a primeira visita em Orlando, mas para aproveitar bem a cidade, eu recomendaria pelo menos 10 dias, pois a quantidade de parque é enorme ( não é só Disney!!!).

Vôos e Aeroporto: Orlando é a cidade mais visitada do mundo e só a Tam faz voos diretos de SP e RJ para a cidade, sempre opto por este vôo. Os demais vôos fazem conexão em Miami e também Atlanta, e dependendo da companhia, outras cidades também.

O aeroporto é bem diferente dos demais, tem uma dose de magia, rsrs. Tem um prédio central, onde são feitos check-in, aluguel de carros, segurança, restaurantes, etc, e os terminais de embarque e desembarque são ligados ao prédio central através de um trenzinho, parecido com os da Disney. Os aviões, inclusive, atravessam passarelas que passam em cima da estrada, é tudo bem diferente, parece complicado, mas é tranquilíssimo, é só seguir o fluxo. Mapa aqui.

mapa orlando atraçõesMapa de Orlado

Onde Ficar e aluguel de carros: Há milhares de hotéis com todas as faixas de preço em Orlando, desde as redes mais simples às mais sofisticadas. E é possível encontrar hotéis da mesma rede em vários cantos da cidade. Eu gosto muito de ficar na área de Lake Buena Vista, que fica bem pertinho de Downtown Disney (um centro de lojas e bares da Disney), e indico especialmente o hotel Lake Buena Vista Palace que já fiquei várias vezes, e é da rede de hotéis que trabalhei no USA. Tem um preço ótimo pelo excelente hotel e serviços, e se assinar a newsletter deles, dá pra pegar ótimas promoções.

Mais ou menos próximo desta área tem o hotel da Nicklodean que são apartamentos de dois quartos com mini cozinha e sala para uma família, bom custo benefício e já falei deste neste post aqui.

18591_95_bHotel Lake Buena Vista

Várias pessoas que conheço gostam de ficar mais próximos da rua principal de Orlando, que é a International Drive. Fica mais próximo dos shoppings, outlets, Universal Studios, Sea World, restaurantes e lojas em geral. Depende muito de qual o seu foco na viagem, mas se você pretende ir em todos os parque, acho que tanto faz a região de hospedagem, porque vai ter que andar muito, de qualquer forma. Já me hospedei no Homewood Suites International Drive e achei muito bom, este hotel tem quartos/apartamentos com cozinha e fica bem ao centro da International.

Como muitas pessoas vão para passar muitos dias, principalmente com crianças pequenas, optam por alugar casas ou apartamentos. Já falei sobre isto neste post e recomendei o condomínio Reunion. Lá no post tem todas as dicas e sites de como e onde alugar casas e apartamentos em Orlando.

Orlando é uma cidade gigantesca e é praticamente impossível se locomover na cidade sem carro. A quilometragem de um parque para outro é coisa de 10 quilômetros, da Disney para a Universal por exemplo são 40 quilômetros… é tudo muito distante! Se você tem receio de dirigir carro no USA, leia minhas dicas sobre Miami no item Carro. Todos os estacioamentos de parques são pagos, por volta de uns 15$ dollares, os estacionamentos de shoppings e outlets são gratuitos.

Compra de ingressos : Quando eu morava na Flórida, usava o desconto de morador e o ingresso saia tipo uns 45 dollares por dia na Disney. Hoje, se não me engano, o ingresso custa por volta de 100 dollares. Nenhuma das vezes que fui pra Orlando fiz uma programação muito certa, tinha ideia de ir em tal parque e tal parque, mas não me preparava muito. Desta vez, como seriam muitas pessoas, fiz uma programação bem certinha e decidimos que queríamos ir em todos os parques da Disney (eu nunca tinha ido em todos em uma única viagem), isso foi um ótimo ponto de partida para fazer uma boa compra dos ingressos.

Captura de Tela 2014-09-01 às 21.54.57site da Disney

No site da Disney (clique em parques e ingressos) você faz o cadastro, e pode comprar seu ingresso com o cartão de crédito. Lá tem as várias opções de ingresso, 1, 2, 3 ou 4 dias de parque, 7 dias de parque com entrada em vários parques em um dia, e eu achei a melhor opção 4 dias de parque por 300 dollares, ficou praticamente um parque de graça. E com o cadastro no site dava pra reservar 3 Fast Pass (o ingresso que dá direito a entrar no brinquedo sem fila) por dia por ingresso e eu reservava pra todo mundo junto, e deu tudo certo.

Como eu comprei o ingresso pela internet no Brasil, decidi retirar lá na Disney em vez de pedir pra entregar no Brasil (existe esta opção), eu imprimi o comprovante de compra e no primeiro dia de parques peguei o cartão de ingresso que nos acompanhou todo os dias em todos os parques.

O ingresso da Universal dá pra comprar pela internet também no site da Universal e dois dias de parque sai mais barato do que um dia só! O esquema do ingresso Express da Universal funciona comprando o bilhete, que te dá direito a entrar sem filas em todos os brinquedos.

Em todos os parques, quando entrar, não esqueça de pegar um mapa em português, ou na lingua que quiser, com todas as atrações e horários dos parques.

Apps úteis nos parques: Para ajudar o dia a dia nos parques, tem alguns aplicativos importantes para baixar no celular para facilitar tudo!

  • My Disney Experience: É o app oficial da Disney. Nele tem tudo!  Quais seus horários de fast pass, quais os horários dos parques, reservas de restaurantes, horários de atrações e desfiles, mapas dos parques e tempo de espera nas filas. Imprescindível!
  • WDW Waits: Apesar de ter o tempo de espera na filas dos brinquedos no app da Disney, achei este mais fiel à realidade (pois não é atualizado ao mesmo tempo que atualiza no brinquedo), além de ser mais rápido do que o da Disney.
  • UO Waits: Tempo de espera nas filas dos parques da universal.

 

No final do post tem o link pra baixar o arquivo com o roteiro, algumas dicas e endereços de todas as atrações que falei aqui pra colocar no GPS

 

Roteiro:

Dia 1: Downtown Disney

downtown disney2

Caso chegue de um vôo noturno, a missão é chata: Fazer imigração, pegar mala, alugar carro e ir para casa/hotel. Isso dura por volta umas 3 horas. Depois de um banho ( ou não, rs) vai bater a fominha da hora do almoço.

Pra mim, a pedida é sempre: Downtown Disney! Lá é um local aberto e de graça, um centrinho comercial e de restaurantes muito bonito e com várias opções de lojinhas e alimentação. Você vai enlouquecer!!! Tem uma loja da Lego de pirar adultos e crianças, a maior loja de personagens da Disney, uma loja de doces do Pateta, etc.

Para entrar no clima, eu gosto de almoçar nos restaurantes temáticos, tem o T-Rex (que é mais novo) e o Rainforest. Eu nunca fiz reserva e sempre consegui entrar, mas se preferir, faça reserva através do site da Disney .

Em Downtown Disney ainda há alguns brinquedos espalhados, como um trenzinho, é bom para as crianças distrairem. O lugar é enorme e você acaba querendo ver tudo, mas geralmente, pelo cansaço da viagem, depois de almoçar e dar uma voltinha pela área, vai querer voltar para o hotel/casa pra descansar ou então fazer algumas comprinhas no supermercado para a casa ou para o café da manhã no dia seguinte, se seu hotel não tiver café incluído.

Se resolver continuar por lá, dá pra assitir a um espetáculo do Cirque du Soleil chamado La Noba, fixo em Downtown Disney. É lindo!

 

Dia 2: Magic Kingdom

magic Kingdom

O primeiro, maior e mais tradicional parque da Disney é o Disney Magic Kingdom (Reino da Magia), onde tem o famoso castelo da Cinderela e o desfile/parada da Disney. É um parque bem infantil, e se comparar com outros parques é um parque com uma carinha mais ultrapassada, pra não dizer velha.

A entrada no parque é um pouco chatinha, estaciona o carro, compra/tira o ticket, esperar para pegar um trem ou barco para levar ao parque, para então chegar ao parque, fazer revista de bolsas e dar olá a casa do Mickey.

Quando fomos, era meu aniversário e aprovetamos para comemorar de uma forma especial, marcamos uma almoço no restaurante com a presença dos personagens do ursinho Pooh, tinha o tigrao, Pooh, bizonho, leitao, todos. Fiz a reserva através do APP da Disney (ah, existe wi-fi gratis em todos os parques da Disney!) para o restaurante Crystal Palace. A comida não é nada demais, bem buffet americanos com Mac and cheese, legumes apimentados chineses, muita gordura e doces e refrigerantes a rodo. Se não me engano o preço é 45$ por pessoa, meio carinho mas valeu a experiência de comemorar o aniversário na Disney com toda a família.

Recentemente o Magic Kingdom vem sendo reformado, com várias atrações novas como o brinquedo da Pequena Sereia, do Ursinho pooh e a montanha russa dos 7 anões. A noite, próximo das 20 horas procure um lugar na calçada para assistir a parada da Disney, é encantadora e vale muito a pena. Quando acaba a parada, depois acontece o show de luzes no castelo e dos fogos de artifícios, é lindo! E vc sai de lá só a meia noite…rsrs

Não deixe de ir: It's a small world (infantil, mas lindo),  The many adventures of Winnie in the pooh, Peter Pan flight's, Pirate's of caribean (incrível!), Under the sea – Journey of the little mermaid, tree house.

 

Dia 3: Animal Kingdom

ANIMAL KINGDOM

O parque mais novo da Disney, foi lançado na época do lançamento do "Rei Leão" (pensa bem como você já tá velha, rsrs) e é quase que uma homenagem aos animais. Há vários simbolos tribais espalhados pelo parque e eu sempre tenho a sensação de que é um parque com poucas atrações. É o parque mais arborizado também, você pode em algum momento ter a sensação de que está em uma floresta.

O ponto alto do parque é o passeio no Safari , o lugar parece mesmo uma floresta, é gigantesco e com muitos animais, de leões à girafas, é muito legal. Outra atração incrível (que na verdade é a melhor de todas!) é o teatro do Nemo, é muuuuito fofo e todo com luzes neon, é muito encantador! Você não pode deixar de ir!

Para os pequenos, este parque tem uma área muito legal, com areia e pontes para atravessar no boneyard, encontro com animais e várias bancas com joguinhos no Fossil Fun Games.

As atrações mais divertidas são a Kali river rapids, Expedition everest (montanha russa) e o cinema 4D de Bugs.Tem também o show do Rei Leão, que queria muito assistir, mas preferi assistir o nemo porque imaginei que os meninos pudessem se assustar.

 

Dia4: Celebration e Mall at Milenia

CELEBRATION

Para dar uma descansada de parques, hoje o destino é Celebration. Celebration é uma mini-cidade praticamente dentro de Orlando idealizada por Walt Disney. Lá tem todo um conceito de área de eventos, área de recreação, área de restaurantes, área de casas, e parece uma cidade de bonecos. Quando você chega no coração da cidade, há um lago maravilhoso rodeado por uma calçada larga com uma esquina com jatos de água que brotam do chão, onde as crianças fazem a festa.

Atravessando a rua, há várias lojinhas, restaurantes, cafés e docerias (nossa, já sinto aquele cheirinho de chocolate fresco e caramelo, hum…). Fomos em um domingo, a cidade estava bem paradinha, não sei como costuma ser normalmente. Demos uma volta no comércio e como estava no horário do almoço, almoçamos por alí mesmo. Almoçamos no Celebration Town Tavern, restaurante com ambiente super gostoso e comida idem, recomendo!

Já li em alguns lugares que o bom de celebration é o brunch em um hotel famoso da cidade, mas preferimos fazer um passeio mais à vontade. Eu vi que tinha um parque/praça alí por perto, mas também não fomos. O legal de Celebration é ver como é linda esta pequena cidade, praticamente perfeita, e curtir um pouquinho a região, sem grandes atrações.

Se decidir almoçar por celebration, depois do almoço, se já quiser emendar uma tarde de compras, seria uma boa. Eu recomendaria o Mall At Millenia, que é o shopping Millenia, por ser menor e refrigerado (depois do almoço dá uma leseira, né? rs). O Millenia fica bem distante de celebration, uns 30 a 40 km, mas como eu disse, todas as distancias são gigantescas.

O shopping Millenia é o mais novo e o mais chique, tem Macy's, Neyman Marcus e bloomingdales, além de Prada, Chanel, Louis Vuitton, etc. Assustou? rsrsrs mas lá também tem Gap, Victoria's Secrets, Sony, Aldo, Mac, Apple, Abercrombie, Forever 21, Cwonder (meu novo queridinho), enfim muitas lojas legais! Se emendar até a noite, dá pra jantar nos restaurantes do shopping, como Cheesecake Factory, ou comprar alguma coisa em algum fast food na região, tem vários!

Quem vai com crianças, que foi meu caso, dá pra passar numa giga Baby and Toy's R Us que fica alí pertinho do MIllenia, é só atravessar a rua.

 

Dia 5: Hollywood Studios

HOLLYWOOD

Mais um dia de parque! O Hollywood é meu parque preferido, foi o primeiro que visitei na vida com meus companheiros de casa de intercambio (amo demais meu time S2) e também é o menor parque, ou pelo menos, o mais compacto.

Quando você chega, já dá de cara com o mega chapeu de Mickey, é mágico! Se der sorte, vai pegar algum show incrível no momento que você chega, como aconteceu comigo e já te faz entrar no clima. Virando a direita tem o teatro da Ariel, é lindo, precisa ir! Se estiver com crianças, logo a frente tem o show ao vivo com os personagens do canal Disney Junior, é simplesmente o espetáculo mais esperado dos pequenos, eu me emocionei levando os meninos lá.

Voltando um pouco, se entrar no corredor da torre do terror, vai dar de cara com a  Hollywood tower, é muito legal, precisa ir!! Logo a frente tem a Montanha Russa do Aerosmith, esta é ótima!  Vale ir mais de uma vez, é muito legal! Por alí, também tem o teatro da Bela e a Fera, veja a programação pra assistir, é uma graça.

Tem o teatro do Indiana Jones que é muito maneiro, vale muito! Tem o simulador do Guerra nas Estrelas que é legal, nada supimpa, assim como o teatro dos muppets. Tem o show de carros que vale muito a pena assistir. Tem também o brinquedo do Toy Story, sempre tem uma fila de mais de 100 minutos, eu diria que não vale, mas com a criançada querendo ir, quem consegue resistir? Em frente sempre tem os Buzz e Wood dando sopa (com uma filinha, rs) pra tirar foto.

O espetáculo mais incrível se chama fantasmic e acontece as 8 da noite, na rua da torre do terror. É um show de luzes, jatos de água, mickey e a turma e fogos de artificios. Só assisti uma vez, tentei ficar outras vezes até mais tarde pra assitir, mas nunca consegui, mas vale demais a pena.

Neste dia, ainda almoçamos com os personagens do Disney Junior: Doutora Brinquedos, Jake, Manny e princesinha Sofia. Mas é assunto para um outro post.

 

Dia 6: Premium Outlets

O

Este roteiro eu fiz em cima dos dias que eu iria passar em Orlando. Deixei as compras pro fim de semana, porque os parques ficam mais cheios nesta data. Dependendo do dia que você for, vale a pena mudar o roteiro para ir às compras no fim de semana.

Tem dois Premium Outlets em Orlando, um na  avenida International Drive e outro na Vineland. O da Vineland fica mais perto da Disney e o da International fica mais perto da universal ( só pra ter uma ideia). Quando nós fomos em abril, nós fomos primeiro no da Vineland, que é ótimo. Mas no último dia, fomos fazer as ultimas comprinhas e fomos no da international e apesar dos 2 shoppings serem bem parecidos, encontrei algumas lojas a mais por lá.

Lá, o interessante é procurar o centro de atendimento ao cliente e comprar um mapa por 5$, neste mapa há várias descontos que as lojas dão só pra quem tem o mapa, e vale muito a pena.

Para ver as lojas do Premium Outlet da Internacional Drive clique aqui e para ver as lojas do Premium Outlet da Vineland clique aqui.

 

Dia 7: Compras Diversas ou Flórida Mall.

OUTRAS LOJAS USA cópia

Eu gosto de ir em lojas como a Target, Walmart, Marshalls, Best Buy, Bed Bath and Beyond, CVS e Walgreens (farmácias) etc, sem falar o Toys r Us. Gosto de tirar um dia só pra fazer essas comprinhas, o que em Orlando facilita muito porque há um plaza só com estas lojas e fica pertinho do shopping Millenia, se não achar nada mais interessante, vá para o Milenia ou então para o Florida Mall que fica alí por perto.

Para quem não sabe a Target e Walmart são lojas de departamento estilo supermercado, tem a parte de comida com mercado de verduras e etc e a parte de coisas para casa, roupas, brinquedos, eletrônicos, achadinhos, etc. Marshalls é uma loja com ponta de estoque de várias lojas, tem de tudo, roupas e sapatos femininos e masculinos, compras para casa, brinquedos, roupas e sapatos para crianças (ótimos preços para carters e rauph lauren, para quem está indo fazer enxoval), eletrônicos, enfim, tudo, adoro lá e compro várias coisas bacanas super baratas! Lá é bem organizadinho.

Best Buy é uma mega loja só com eletrônicos computadores, câmeras, tv's, eletrodomésticos interessantes (tipo dock's para iphone), Dvd's para carros, etc, é um paraíso para brasileiros em busca de eletrônicos. A Bed Bath and Beyond é basicamente uma loja para casa, mas suuuper legal, tem várias coisas interessantes para a cozinha, banheiro, quartos, itens de organização de guarda roupa, adoro ir lá.

A CVS e Walgreens são farmácias enormes com todo tipo de produto, principalmente de beleza. Tem todos os shampoos, hidratantes, secadores, apetrechos de cabelo, maquiagem, etc. A CVS é bem mais organizada que a Walgreens, mas sempre acho mais coisas legais na walgreens. Existe uma praticamente a cada esquina do USA.

O Florida Mall é um shopping mais popular, se comparar com o MilLenia, que tem muitas lojas tops. No Flórida tem lojas mais "compráveis" e um mix muito legal. Tem H&M, Forever 21, Apple, Macy's, Sephora, Disney Store, Aldo, Abercrombie, Armani Exchange, Gap, Guess, Fox, etc. Confesso que a maioria das vezes entro na Forever ou na H&M e fico por alí… até a hora de ir embora, mas tem muitas lojas legais por lá. A lista completa de lojas você vê clicando aqui.

 

Dia 8: Universal Studios

UNIVERSAL

Diferente da Disney que ocupa um espaço imenso, a Universal é mais compacta e une 2 parque muito próximos a um centro de entretenimento, que é o City Walk. A proporção de proximidade é quase esta aí de cima da foto.

Você para o carro em um prédio garagem e vai andando por passarelas enormes com esteiras rolantes. Chegando no City Walk, que é um lugar incrível, vai se dar conta que é uma "Disney adolescente" – parece muito com Downtown Disney-, tem a pegada da Disney com um quê jovial. Há bares e restaurantes, casa de show, lojas, cinemas, tudo nesta área.

A maioria das pessoas sempre vai primeiro na Island of Adventure, o parque mais novo. Chegando, você vai dar de cara com a área a Marvels, do super herois. Nunca passei tanto tempo nesta área quanto desta última vez, o Theo ficou fascinado com tudo porque tem a montanha russa do Hulk, o simulador do homem aranha (este tem que ir!!!) e as aparições dos super herois como volverine, capitão america, homem aranha, tempestade, etc.

Logo a frente tem a área "molhada", americano adora um brinquedo que molha, aliás, no verão, a maioria das pessoas vai pra lá de biquini! Tem o brinquedo do Popeye ( se tiver sorte, dá pra tirar foto com ele e a Olivia) e o Rips saw fall, que são 2 brinquedos que molham muito, e são super divertidos!

Mais a frente tem a parte de Jurassic Park, é um brinquedo clássico, tem que ir!

Logo mais a frente tem a parte nova de Harry Potter, é praticamente mágico! Você se sente no filme!!! No castelo de Hogwarts fica o simulador de harry potter, que é muito legal, mas… chacoalha demais, nunca conheci ninguém que diz ter saído de lá bem, todo mundo sai meio embrulhado. Mais a frente, dá pra tomar uma cerveja amantegada (que tem um sabor estranho)  e passear pelas ruas de Hogsmead e entrar nas lojas que Harry sempre cita no livro. Fiquei sabendo que recentemente foi inaugurado o beco diagonal, mas não sei dizer como é. Tem também o trem que leva a Hogwarts com a plataforma 9 3/4, é fantástico!

Logo a frente fica a parte infantil, se estiver com crianças, é onde você vai passar grande parte do tempo passeando noo carrossel, trenzinho, etc.

Saindo da Island of Adventure, pegando a esquerda, você vai passar em frente do  Hard Rock Café e seguir para a Universal Studios, a clássica – e tirar uma foto na frente do globo que gira.

Não consegui ir da última vez, choveu muito no fim do dia e tivemos que ir embora (mentira, fizemos um lanchinho no Hard Rock, rs), mas vi no mapa que inaugurou um simulador do Transformers e do Meu Malvado Favorito (onde era o Jimmy Newtron) e tem também o simulador do Shrek. Tem o simulador do filme tornado, que é legalzinho, mas nada demais. Ah, tem uma montanha russa sinistríssima, mas que ainda não tive coragem de encarar, rsrs.

Um brinquedo muito legal é a montanha russa indoor da Mummia, é muito, muito divertido, e dá um pouquinho de medo também. Continuando o passeio, você vai passar pela área de New Orleans, com bandinhas de jazz tocando nas ruas e logo mais a frente vai encontrar a área que simula San Francisco, precisa tirar uma foto na boca do tubarão! rsrs Me parece que o brinquedo do Tubarão foi desativado, mas era bobinho, nem valia a pena…

Mais a frente tem o brinquedo de MIB, é um carrinho com armas de videogame pra matar aliens, dá pra se divertir. Onde era de volta para o futuro, virou o simulador dos Simpsons. Um pouco mais a frente tem a área infantil, com pica pau, Barney, Curious George e E.T..

Saindo do Universal, se ainda tiver disposição e horário, dá pra assistir ao show do Blue Man Group. Eu assiti há 6 anos atrás e foi muito bom! Saindo de lá, dá ainda pra jantar no Hard Rock Café e chegar em casa esgotado. Quem aguenta? rsrs

Dia 9: Epcot e ou Sea World

SEAWORLD

Este ano o programa era fazer Sea World e Epcot no mesmo dia, porque há alguns anos atrás nós fizemos assim e deu pra ver os dois lugares super tranquilo no mesmo dia. Dava pra ir no Sea World logo pela manhã (mas nada de preguiça, tem que sair de casa pelo menos umas 10 da manhã!) assistir aos shows dos animais, ver os pinguins, as raias, aquarios etc e depois ir para o Epcot, pois o Sea World fecha mais cedo, as 6 da tarde, por isso precisa ser o primeiro.

Como nós já tinhamos comprado os ingressos da Disney e já estávamos há 9 dias no esquema de parque, ficamos com medo de ficarmos muito cansados depois do Sea World e não conseguir ir no Epcot, então decidimos ir no Epcot primeiro, e no fim das contas não fomos no Sea World. O que foi uma pena, pois os meninos iriam amar, era o lugar que eu mais queria levá-los, mas vai ficar pra próxima viagem e o Epcot vai ficar de fora da próxima vez.

O Sea World é um parque lindo e muito extenso, próximo a entrada tem o tanque dos golfinhos, que são super simpáticos e exibidos, rsrs. Tem o tanque das raias e outros peixes, dá pra ficar lá por horas vendo todos eles nadarem mas precisa ficar de olho nos horários dos shows. As maiores atrações do parque são os shows, e tem que se programar pra tentar ir pelo menos no da Shamu (a baleia-assassina), com pelo menos meia hora antes o pessoal já entra pra tentar garantir lugar no auditório e se encher, você nem entra, então é bom ficar de olho.

No Sea World também tem uns brinquedos como montanha russa e brinquedinhos de crianças, dá pra se divertir um pouquinho, mas é aquilo que eu falei, precisa ficar de olho no horário dos shows, que você pode dar uma olhadinha aqui. É um parque lindo e super extenso, se estiver sol, vai com certeza precisar de um boné, e quando entrar na parte dos pinguins, com certeza irá precisar de um casaquinho, rsrs – tem que ir preparado, rsrs.

Ao meu ver, é um parque muito lindo e tal, mas meio que enche o saco só ficar de olho nos shows, mas com certeza as crianças ficarão apaixonadas por ele.

Um pouquinho mais tarde dá pra ir pro Epcot, no dia que eu fui nos dois parques no mesmo dia, cheguei no Epcot umas 5 da tarde e foi ótimo, porque tinha pouquíssimas filas e deu pra ver tudo super rapidinho.

O Epcot É um parque engraçado, é enorme, mas tem poucas atrações. É um parque que se dedica a mostrar um pouco do mundo, há várias partes demonstrando cidades de todo o mundo, menos do Brasil, o maior visitante da Disney… francamente! O nome "EPCOT" é uma sigla de "experimental prototype of community of tomorrow" (Protótipo experimental da comunidade do futuro), teoricamente seria um parque do futuro, mas ele tem uma cara bem caidinha, apesar de ser bem lindo ainda, significava o futuro na década de 70, mas nós já estamos em 2014.

Os brinquedos se concentram logo no inicio do parque, tem montanha russa indoor, um parque de jogos indoor e tem o brinquedo do Nemo, que na minha opinião, é o mais lindo de toda a Disney, só fui lá pra levar os meninos neste brinquedo, rsrs, é emocionante. No resto do parque ficam os pavilhões dos países como México, Noruega, China, Alemanha, Itália, Japão, Marrocos, França, Reino Unido e Canadá. Cada pavilhão mostra um pouco desses países, em geral com a decoração de um ponto turístico do país e um restaurante ou quiosque com alguma comida típica daquele país.

Neste parque é o lugar que mais dá pra ver as princesas – e cada fila é quilométrica – e cada uma delas aparece no pavilhão de seu país, ex: Jasmine no Marrocos. Durante a primavera acontece o festival de flores no parque, ele fica lindamente enfeitado com flores que montam desenhos, é lindo e impressionante. Apesar de ser bacana, é um pouco chato andar, andar e andar e não ter nada pra fazer – minha opinião.

 

Dia 10 – Dia de ir embora ou Bush Gardens ou Legoland ou últimas compras

luggage stuffing

Quando eu fui, eu fiquei 10 dias mas meu vôo de volta seria no décimo primeiro dia pela manhã, então deu pra fazer programação neste dia ainda. Se você viajar neste dia a noite, é pouco provável que consiga fazer alguma coisa neste dia, principalmente se ficar em hotel e tiver que fazer o check out ao meio dia. Dará apenas para arrumar as malas pela manhã e no máximo passar um tempinho em Downtown Disney pra esperar a hora de ir pro aeroporto.

A nossa programação original era escolher entre Bush Gardens ou Legoland. Na verdade, depois de 10 dias de parque, você começa a não fazer mais tanta questão e optamos pela Legoland. Quando entrei no site da Legoland pra pegar o endereço, descobri que o parque não abria exatamente naquele dia. O parque da Legoland é basicamente infantil, segundo informações que peguei, acaba sendo menos visitado e só abre apenas em temporadas turísticas e tinha fechado exatamente no dia que iríamos. Foi uma pena mas fica a dica para quem quiser ir, pesquisar aqui no site os dias e horários do parque.

Se você viajar no outro dia ainda, tem algumas opções interessantes:

Bush Gardens: O Bush Gardens fica na cidade de Tampa, aproximadamente a uma hora e meia de Orlando, mas uma viagem em estrada reta, super tranquilo. Mas pra ir lá tem que ir bem cedinho porque o parque é bem grande e tem muita coisa! O forte são as montanhas-russas, uma mais louca que a outra. Quando eu fui, em 2006, tinha 6 – se não me engano – acho que agora tem mais. O parque é lindo, super florido, tem esses brinquedos que molham, parte infantil e tudo mais. Se for pra lá no último dia mesmo, não se esqueça de já deixar as malas mais ou menos arrumadas porque provavelmente vai chegar de viagem morto de cansaço!

Legoland: É um parque para a criançada e fiquei sabendo que tem vários brinquedos que molham e piscina. É bom levar um troca de roupa e biquini.

Ultimas compras: Sempre fica aquela compra que era pra ter feito e não tinha dado tempo ou aquela compra que você se arrependeu de não ter comprado, tudo se resolve hoje! Para mim, o que seria mais interessante seriam o Shopping Millenia e o Premium Outlet.

_____________________________________________________________________________________________

Como eu sou muito boazinha fiz tudo mastigadinho pra vocês em um arquivo para imprimir! Clique aqui pra baixar via Google Drive Neste arquivo tem o roteiro, endereços para colocar no GPS, infos sobre a viagem (pra você preencher a mão), dica de embalador de mala (no aeroporto de Orlando não tem), dica de aluguel de carrinho de bebê e mais um tantão de coisas.

Na verdade como fomos em uma turma enorme, fiz o roteiro para nos organizarmos melhor e enviei pra toda turma via e-mail alguns dias antes da viagem. Seguimos basicamente o roteiro à risca, com uma ou duas trocas de dias.

Gente, espero que vocês tenha gostado do meu guia de Orlando e espero que minhas dicas sirvam pra vocês. Dei minhas dicas pessoais em praticamente todos os itens, mas não quer dizer que se eu falei "não vale a pena" seja algo que realmente não valha a pena, eu apenas não gostei, opinião pessoal.

Espero que vocês contribuam nos comentários com dicas ou contando se viajaram com minhas dicas e o que acharam.

E vão desculpando se aconteceu algum erro de português e tal, porque eu escrevi este post quase que em 3 meses (parando vááááárias vezes) e cheguei ficar vesga de tanto que li e escrevi! rsrsrs

Beijão e Divirtam-se na terra do Mickey!

Deixe um comentário
  • Mariane disse:

    Ei Thi, adorei o roteiro! Gostaria de saber o que vc acha de ficar hospedado dentro do complexo Disney e se antes dos meninos vc foi a alguma baladinha bacana! To programando a minha viagem =) bjs

    • Thieli disse:

      Eu nunca fiquei nos hoteis da Disney mas deve ser maravilhoso, tem várias vantagens ficar lá, os quartos são temáticos, você pode entrar antes de todo mundo no parque, enfim, várias vantagens.
      To meio por fora de baladas por lá, mas em Downtown Disney tem!

      • Mari Junqueira disse:

        Já fiquei no Disney's All-Star Music Resort, ameeeeeeiii !!! Indico de olhos fechados, porém não perde nada para um bom hotel em Orlando. É bom verificar o custo, se estiver muito alto, compensa ficar em algum hotel legal em Orlando mesmo. Esse que a Thi indicou é massa !!! Beijinhos 😉

      • Mariane disse:

        Obrigada =)

  • Mari Junqueira disse:

    Thi, amei o roteiro. Também já fui várias vezes pra lá e não me canso… sou apaixonada mesmo e, todas as vezes que programamos uma viagem, no fim, sempre acabamos indo a Orlando.
    Tenho algumas dicas legais:
    – No Millenia (shopping) o restaurant BRIO também é maravilhoso !!
    – A gente consegue imprimir os cupons de descontos do outlet no próprio site da rede Premium. Só acessar, fazer o cadastro e pronto. Inclusive, o bacana é que conseguimos imprimir, também, para NY.
    – Um restaurante que indico sempre é o Olive Garden. Além de delicioso e com preços incríveis, é um restaurante bem familiar. Eu adoro !!
    Outra coisa, sempre indico chegar cedo aos parques, para que o dia renda e pra aproveitar mais… e, claro, um bom tênis e roupas hiper confortáveis pra aguentar a maratona !
    Também gostamos da WonderWorks, a casa invertida de Orlando. É uma opção legal para as criança, apesar de me divertir bem lá. É cheia de brinquedos bacanas, simuladores, e tal… uma opção legal para dias de chuva!
    Acho que é isso. Se eu lembrar de mais algum detalhe corro aqui… rs !!
    Beijinhos amore… !

  • Fernanda disse:

    Oi Thi, adorei as dicas. Só que não consegui abrir o roteiro que você fez, o que posso estar fazendo de errado? Tem como me enviar por e.mail? Obrigada!!

  • Gostei muito do seu roteiro e de suas dicas, iremos em agosto/16 (aniversário da minha filha). Estamos com muitas dúvidas, mas vc já ajudou bastante, obrigada!

  • Grazzielle disse:

    Menina, admiro vc demais!!!

    Onde vc arruma tempo?? Sempre linda, dedicada aos filhos e ao maridon e ainda fazer um roteiro desses?? Perfeito!! 

    Adoro suas dicas, sempre!!!

    Muito reais!!

    Obrigada.

    Beijos

     

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Já segue o nosso canal?

Clube de Duas | Desenvolvido e gerenciado por gCampaner